Philadelphia História de marca

A história do queijo Philadelphia em Portugal

Os sabores e os gostos têm mudado com o decorrer dos anos e Philadelphia tem evoluído com eles, para oferecer-lhe toda a ampla gama de variedades que pode encontrar atualmente no seu supermercado. Ainda assim, 200 anos depois Philadelphia conseguiu manter o seu sabor e cremosidade irresistíveis no interior de cada um dos seus produtos.

Philadelphia nasceu em 1872 quando William Lawrence, um fabricante de produtos lácteos de Chester, Nova Iorque, ao bater natas e leite, fabrica por primeira vez este delicioso queijo.

Em 1880 Lawrence associa-se a C.D. Reynolds, um distribuidor de queijo de Nova Iorque. Posteriormente Reynolds compra a empresa “The Empire Cheese Company", o que lhe permitiu aumentar a sua capacidade de produção.

O nome escolhido por Reynolds para este novo queijo que começava a comercializar foi "Philadelphia Brand cream cheese", nome que tem que ver com a zona já que, nessa altura, os produtos alimentares de grande qualidade provinham dessa cidade da Pensilvânia ou se associavam a ela.

"The Empire Cheese Company" ardeu em 1900, o que fez com que Reynolds tivesse que abandonar a empresa, a qual é salva por produtores locais de produtos lácteos, sob o nome de “Phenix” (nome do pássaro mitológico Phoenix que foi queimado e renasceu das cinzas com mais juventude e vitalidade).

Em 1928, a "Phenix Cheese Company", juntou-se à Kraft Foods, aumentando consideravelmente a capacidade de produção de Philadelphia. É o início da grande expansão internacional deste excelente produto.

Actualmente a Mondelez International comercializa Philadelphia em 80 países de todo o mundo.
Em Portugal a marca foi lançada em 1995